quarta-feira, 15 de julho de 2015

Um dia em Boston

Pro viajante/aventureiro qualquer motivo pra ir "alí", já é um evento. Se o percurso for mais de 45 minutos de carro, pra mim já é viagem.
Com filhos que tem agendas lotadas como os meus, e precisamos estar sempre na estrada pro futebol, golf, dança, congressos, etc,me vejo obrigada a fazer disso uma postagem no blog.
Eu nunca perco a viagem, e haverá sempre, em qualquer lugar, qualquer seja a duração, algo diferente ou interessante a ser mostrado.
Hoje vou mostrar 1 dia em Boston.

 





Valentina é minha filha de 11 anos, que há 2 participa do Envision leadership Program. Um programa
que desenvolve habilidade crítica destinada ao alcance do successo no século 21.
No mundo atual, as experiências fora da sala de aula com programas de educação experiencial
são projetados pra fornecer um "a mais" aos jovens que desejam enriquecer seus estudos na High School e universidades. Sem mencionar que é muito divertido.
Se quiserem mais informações sobre esse programa entrem em contato comigo.
Ano passado foi em Washington DC (veja post aqui).
Esse ano em Boston, e devido a nossas férias em Portugal escolhemos a data que coinscidia com as comemorações do 4 de julho.
Foi um bate-Volta produtivo.


Saímos no sábado pois o check in no programa seria no domingo após as 2:00pm. Então a programação seria jantar assistindo a queima de fogos no Charlie's River .
Tudo um pouco diferente do que pensei a princípio , que escolheria um nice restaurante com vista pros fogos. As ruas que ladeam o rio não tinham restaurantes e sim residências de um lado e prédios empresariais do outro. Talvez com mais tempo teria achado , porém muitas ruas já estavam fechadas pros shows e demais eventos na área.
Do lado do rio que tem o parque havia um palco com variada apresentação musical. Os portões foram abertos no dia anterior. Eu fiquei do outro lado do rio onde achei um estacionamento mais próximo.
Colocamos nossas cadeiras nas costas e esperamos mais de 5:30 horas.
São coisas que faço somente uma vez na vida.
Bem, jantamos antes numa rua atrás do rio, do outro lado, quando descobrimos após andarmos muito, que nossos desejos não se realizariam.E eu que pensava que conhecia bem a cidade de Boston depois de ir inúmeras vezes!!!!
O trânsito não foi o caos que esperávamos na saída.
O show é lindo, a cidade nem se fala. Se houver uma próxima vez vou optar por barco.
Há opções com e sem jantar, mas pra dizer a verdade o que me atraiu foi aluguel de barcos pequenos e caiaques que você encontrará nos canais que ligam ao rio e poderá contratar um catering service que entrega no seu barco antes da partida.

No centro do Charlie's River as embarcacoes se reunem pra ver a queima de fogos



Aluguel dos kaikes e barcos nos canais

Restaurantes locais  entregando os pedidos pra grande festa 



Esse barco um pouco maior que o kaiake seria minha opcao




No dia seguinte, após check Valentina in, eu e Patrick seguimos com nossa programação.
O plano inicial seria dormir muito já que andamos igual um camêlo no deserto no dia anterior, depois iríamos ao Quincy Market . Porém o que não sabíamos é que nosso hotel era colado num mall a céu aberto e extremamente charmoso chamado MarketStreet de Lynnfield. Nada de muita gente cheias de sacolas comprando como se o mundo fosse acabar naquele dia. Pelo contrário, lojas únicas que já são mais destinadas a um público seleto apesar de também terem algumas já bem popularizadas como Victória Secret entre outros. Quase todos os restaurantes com pátio, àrea verde com atividades pras crianças, em todas as esquinas um cantinho especial pros cães beberem água. Percebe-se a diferença logo de cara!
O melhor foi uma boutique/café que fazia suco verde na hora. É a The Grove, que é "earth friendly" com suas roupas e sucos orgânicos e produzidos por artistas e produtores locais. Eu amei a idéia e estava delicioso, tanto o suco quanto o café. Só não entendí as "havaianas"...!!! 






Tudo aqui e organico e produzido por locais, inclusive as roupas


Nao entendi!!!!Nao eram pra locais e organicas?
 Sao as Havaianas do Brasil, as legitimas, nao soltam as tiras e nao tem cheiro...

Depois seguimos pro Quincy Market que é um mercado histórico no centro de Boston. Muitas lojas de roupas, calçados, inúmeros restaurantes, salão de beleza, etc.
Lugar bacana por ser aberto e ter apresentações de artistas de rua e estar no centro. Porém é muiiiiiito pop pro meu gosto. Escolhemos um restaurante do lado de fora da galeria da Food Court que é super quente, e a comida assustadora.
Optamos por um Asian Fusion . Recomendo pelo bom gosto da decoração, atendimento, higiene do local, pelo fato de ter ar condicionado rsrs e claro pela comida que é muito boa e preços...digamos que " possíveis". Mas o parking em frente do market é caro, e é muito difícil estacionamento no centro de Boston. 
Valeu ter conhecido.







Mais um pouco do Lynnfield MarketStreet 





Em todas as esquinas havia um desses para o deleite dos caes.







Nenhum comentário:

Postar um comentário